Sobre

Comunidade de Práticas: Fortalecimento da coleta, análise e comunicação de dados de  saúde em países africanos de língua portuguesa 

Este projeto é fruto de uma parceria entre a Associação Brasileira de Profissionais de Epidemiologia de Campo (ProEpi), o Instituto Nacional de Saúde Pública (INSP) de Cabo Verde, o Instituto Nacional de Saúde Pública (INASA) da Guiné Bissau e Ministério de Saúde dos respectivos países,  com o apoio da Vital Strategies e do Centers for Disease Control and Prevention (CDC) de Atlanta. 

Essa iniciativa é uma continuidade do projeto desenvolvido em 2022 para fortalecimento dos Boletins Nacional de Saúde Pública de ambos os países. Nesse contexto, esse novo projeto busca melhorar a qualidade do dado e da informação em saúde por meio do fortalecimento do segundo ano do Boletim Nacional de Saúde Pública de cada país, instituindo a Comunidade de Prática que visa dar autonomia para a continuidade da estratégia de publicação dos cenários epidemiológicos dos países.

Os profissionais de saúde e egressos dos programas de epidemiologia de campo de Cabo Verde e Guiné-Bissau são o público alvo das atividades que irão fortalecer a capacidade e habilidades em diversas áreas das epidemiologia, incluindo o processo de comunicação em saúde com informações, sistemáticas de qualidade e seguras.

Atualizações

EM BREVE

parceiros